Glitter Ecológico: brilhe mais e não polua o meio ambiente

Carnaval chegando, a temporada de blocos já começou e as fantasias mais divertidas já são vistas desfilando por aí!

Nesse carnaval, o que tá dando onda são as maquiagens com glitters e purpurinas! Quanto mais brilhante, mais colorido, melhor!

glitter-ecologico-blog-ela-e-carioca-2

Porém, o que pouca gente sabe, é que, na verdade, glitter faz muito mal ao meio ambiente.

Mas como assim? É algo tão pequeno, como pode fazer mal ao ambiente?

O que acontece, o glitter é formado por micropartículas de plástico e ainda possui  pedaços de metais em sua composição, ou seja, além de não se desfazer, ele ainda contamina mares e rios, onde o esgoto é despejado!

Outros objetos de plásticos quando são despejados em rios e oceanos se desfazem com o tempo e se transformam em partículas, quando as micropartículas já são produzidas em tamanhos reduzidos o estrago se torna maior, pois além de não se dissolverem mais, ainda absorvem elementos tóxicos como pesticidas, metais pesados e outros poluentes (esse mesmo processo acontece com esfoliantes, que também é formado por micropartículas de plástico) .

O estrago acontece, quando pequenos animais e plânctons se alimentam dessas partículas e, logo em seguida, os peixes acabam se alimentando desses seres e propagam a intoxicação, podendo chegar até o homem.

glitter-ecologico-blog-ela-e-carioca-4

Mas então, o que fazer para brilhar mais do que Edward Cullen nesse carnaval?

Existem duas opções que podem substituir o glitter comum:

  • O glitter caseiro com sal
  • O glitter comestível

O glitter comestível você encontra em confeitarias e lojas de produtos alimentícios.

Para o glitter de sal, tudo que você precisa é de:

  • sal (o de sua preferência: refinado, grosso)
  • corante alimentício em toas as cores que desejar

Agora, separe uma quantidade de sal e vá adicionando, gradualmente, o corante ao sal, quando mais corante você colocar, mais forte vai ficar a cor!

Prontinho, agora só reservar e deixar secar, para que o sal absorva o corante e voialà!

glitter-ecologico-blog-ela-e-carioca-6

Está pronto seu glitter caseiro ecológico que ajuda o meio ambiente, te faz brilhar mais que azinimiga e, ainda, espanta as energias ruins, tem coisa melhor? 😀

Agora, na hora de curtir os bloquinhos de cranval na rua, não se esqueçam de: usar muito protetor solar, beber bastante líquido e arrasar na sua fantasia de carnaval! Feito isso, está na hora de aproveitar o seu carnaval!

Dados retirados do site Ecycle.com.br

Fotos retiradas do Pinterest.

Anúncios

Testei: Base Líquida Tonalizante Dailus

Base LíquidaTonalizante DailusQuando eu pensei em fazer esse post eu tinha uma opinião sobre a Base Líquida Tonalizante da Dailus, mas na hora que fui testar ela de novo, eu mudei de ideia! Infelizmente, detestei!

Como falei no último post, eu tinha uma festa de Halloween para ir no dia 31, para a maquiagem que eu tinha escolhido fazer eu precisava de uma pele mais pálida, então fui até a farmácia procurar uma e achei essa da Dailus que era o tom mais claro que tinha (02 – Clara), na hora de usar, eu vi que ela na verdade era do tom da minha pele, mas sobre isso, estava tudo bem! E logo na noite seguinte, usei a base de novo para sair, não prestei muita atenção no acabamento porque me arrumei correndo (nos dois dias).

Hoje, quando fui testar ela de novo, ela ficou péssima! Enquanto eu espalhava ela pela pele, com um pincel, ela ia se esfarelando, tentei com os dedos e aconteceu a mesma coisa. Esse problema eu já tive também com o Primer da Dailus! Se você espalhar demais eles esfarelam, mas se espalhar pouco, fica mal espalhado!

O preço foi bom, paguei cerca de R$ 16, ela é bem levinha, tinha tudo para dar certo, mas não nos demos bem. Sempre ouço falar tão bem dos produtos da Dailus, mas eu, realmente, não consegui me acertar com eles! Poxa 😥

E vocês? Já usaram essa base? Me digam o que vocês acharam?